segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Pensamentos de um montanheiro à 2ª feira!

Acho curiosos os sentimentos e as ideias que nos passam pela cabeça, quando, depois de uma extraordinária actividade de montanha, regressamos à realidade e nos deparamos com os nossos locais de trabalho, os transportes públicos, a fila do supermercado, a sogra, etc.

Numa fase inicial, da experimentação, acho que é típico contarmos todas as aventuras aos nossos colegas de trabalho e enchê-los com pormenores, tentando mostra-lhes o que andam a perder! Convidámo-los a experimentar, etc. Há até uma certa vaidade implícita! “Uau, eu é que faço coisas fixes!”

Noutros contextos, com mais algum tempo de prática e dependo do carácter de cada um, pode surgir aquele silencioso pensamento: "nem passa pela cabeça dos que me rodeiam à 2ª feira do que fiz ontem." Dos sítios por onde passamos, da neve que pisamos, da vista que alcançamos. Em oposição pensamos que “os outros” com certeza foram às compras, ouviram o relato e gastaram o sofá mais um pouco.

Pode também surgir aquela vontade de partilhar a agradável recordação… ou a dor que sentimos nas pernas mas, logo depois, pensamos que o parceiro do lado, nunca iria compreender! Chega até a haver alguma vergonha e timidez de partilhar e de assumir que gastamos o nosso tempo e energias sempre a trepar montanhas!!!
Pensamentos depois de um excelente dia de actividade, que ficou ainda melhor depois do trambolhão do Pedro Abrunhosa no programa Ídolos!!! Foi hilariante

Tondela a trepar

4 comentários:

Rodas disse...

É engraçado ler este post e pensar que se passa exactamente o mesmo comigo. Normalmente opto pelo silêncio, mas faço questão de falar com a minha mãe sobre o belo dia que passamos :)

De qualquer maneira hoje em conversa com um amigo de trabalho,fiquei arrumado a um canto quando ele me disse que tinha ido ontem (domingo) ao salão erótico no Porto!!! Preferi mesmo ficar calado... :D

Filipe Ascensão disse...

lol...bem, vou dizer que me ri:P
primeiro, na parte da sogra:P e depois nesta parte do salão erotico hehe....e apos isto ainda com a queda (sem corda) do abrunhosa, sendo que só vi à pouco hehe...
pois, o silencio, eu acho que tambem já ando nessa fase, pois a malta que nao vive neste nosso ambiente já nao consegue ouvir-me falar mais de escalada.... mas sinto-me bem, por chegar à segunda feira e saber que nao desperdiçei energia em algo inutil, apenas apertei à morte;)

Nelson Cunha disse...

Pois eu assisti à queda em directo!!! Foi hilariante!!!

Sapa Mor disse...

eu tb vi a queda em directo. ri durante um quarto de hora à-vontade. loool

eu tb sou mais daquele estilo de guardar para mim o q fiz, mas sempre com aquela sensação de q fiz algo espectacular.
ñ trocava a caminhada pelo salão erótico... mulheres e homens nús é o q mais há hj em dia.
agr vistas e paisagens como aquelas q apanhamos na serra é dificil. :)

boa semana. "BOU" ESTUDAR...